5 anos de Núcleo de Mídias Artes e Tecnologias

25 de julho de 2020

5 motivos para o Núcleo existir – reflexão sobre os 5 anos do Núcleo de Mídias, Artes e Tecnologias. Ao final do debate serão anunciados os vencedores do Festival Coronavídeo, em exibição pelo perfil do Núcleo no Instagram. O distanciamento social está sendo uma excelente oportunidade para refletir sobre o papel do artista na sociedade. Em janeiro de 2020, o Núcleo de Mídias completou 5 anos. Para comemorar essa data, lançou em abril o Festival Coronavídeo pelo perfil no Instagram. Cerca de 20 videos de até um minuto foram inscritos. Os vídeos mais curtidos ganharão, além de 1 kit de video celular, 1 cesta com produtos de artistas locais. Tendo nascido exatamente no período do desmanche do sistema governamental de incentivo à cultura, o Núcleo de Mídias trilhou um caminho pedregoso e árido. E só conseguiu estar aqui hoje pela força motriz gerada pelas parcerias com empresas privadas que atuam localmente, e principalmente, pela colaboração pessoal dos amigos, técnicos, professores e artistas das áreas de comunicação, educação e cultura. Durante esse período, o município de Paraty também andou na contramão dos movimentos nacionais, e mesmo com toda a crise nos âmbitos federal e estadual dos setores cultural, político e econômico, ganhou o super-esperado reconhecimento de Patrimônio Mundial pela Unesco (mas, ainda não recebeu o título). CONVIDADOS: Danilo Medeji – Professor, cineclubista, Conselheiro Municipal de Política Cultural – Setorial do Audiovisual & Cinema; Samara Donário – Jovem local, profissional de audiovisual; Cauã Cruz – Jovem local, profissional de audiovisual; Walmes Galvão – Consultor de Gestão Empresarial; Dinho Silva – profissional de audiovisual; Renato Padovani – Diretor de Fotografia cinematográfica, consultor de tecnologias; Domingos Oliveira – Editor do Jornal Folha do Litoral ; Miguel Angelo Jr. – Profissional de audiovisual.MOSTRAR MENOS

Folha do Litoral Costa Verde