Flexibilização do Isolamento social em Paraty?!

29 de abril de 2020

Mesmo para quem tem boa situação financeira, casa, comida, roupa lavada e internet, não está sendo fácil manter este isolamento horizontal (sendo recomendado que todos fiquem em casa). Imaginem para os que tiveram que fechar seus pequenos negócios, os que sobrevivem da informalidade, ou perderam seus empregos? Aí é realmente uma situação desesperadora!.

Como editores do jornal Folha do Litoral Costa Verde – FL, membros do Fórum DLIS/Agenda 21 de Paraty, apoiamos integralmente as sugestões elaboradas por este Fórum e encaminhadas oficialmente para compor o Plano de Recuperação Econômica – Pós COVID-19, proposto pela Prefeitura de Paraty.

Sobre a flexibilização do Isolamento social, será fundamental buscarmos o conhecimento do conhecimento sobre as hierarquias das necessidades das comunidades, para elegermos as ações prioritárias.

Com o objetivo de aprofundar o “conhecimento do conhecimento” sobre o Plano de Recuperação Econômica proposto pela Prefeitura, o jornal Folha do Litoral Costa Verde – FL encaminhou ao prefeito Luciano Vidal a solicitação de uma entrevista para o programa Fala Comunidade sobre as seguintes questões:

PROGRAMA ‘FALA COMUNIDADE’
Boa tarde, prefeito Luciano Vidal!
Bem-vindo ao programa ‘Fala Comunidade’.

  1. Primeiro, gostaríamos de saber qual a atual infraestrutura do Sistema Municipal de Saúde de Paraty, para atender os possíveis casos de coronavírus no município.
    Quantos testes? Quantos leitos? Quantos respiradores? E quantas equipes de profissionais de saúde?
  2. A Estratégia de Saúde da Família de Paraty – ESF está completando 19 anos, entretanto ainda tem sérias dificuldades para implementação do Sistema de Informação em Atenção Básica – SIAB, fundamental para o monitoramento e a prevenção da saúde comunitários. Esta estratégia será reestruturada como uma ação prioritária das Medidas Emergenciais de Saúde?
  3. Através de uma consulta às instituições e aos setores produtivos do município, o senhor propõe um Plano de Recuperação Econômica. Com a queda dos royalties do petróleo, do ICMS e do Fundo de Participação dos Municípios, quanto será disponibilizado pelo orçamento municipal para este Plano?
  4. Sobre as pressões para a reabertura das igrejas e do comércio, o município já está preparado para isso?

Até o momento não tivemos retorno do Prefeito.

Editores; Carlos Dei , João Bosco Gomes e Domingos Oliveira

Folha do Litoral Costa Verde